Tentativa de destruição de provas recuperadas não justifica preventiva

A prisão preventiva é a última ratio, a derradeira medida a que se deve recorrer, e somente poderá ser imposta se as outras medidas cautelares dela diversas não se mostrarem adequadas ou suficientes para a contenção do periculum libertatis (CPP, artigo 282, § 6º).
Giovanna BembomToffoli conc…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Rolar para o topo