INSS deve analisar benefício mesmo sem perícia, decide juíza em SP

A suspensão das perícias médicas por conta da epidemia do coronavírus não pode desobrigar que um processo previdenciário corra em prazo razoável. Com esse entendimento, a juíza Anita Villani, da 1ª Vara Federal de São Vicente, mandou o escritório local do INSS analisar pedido de benefício assiste…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Rolar para o topo