Dispensar empregada pública por ter aposentadoria é discriminatório

A 6ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho declarou nula a dispensa de uma empregada pública da Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro que acumulava proventos de aposentadoria com salários decorrentes do vínculo empregatício. Para a Turma, houve discriminação política na dispensa, o que re…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Rolar para o topo