Investimento em compliance exige regras rígidas, diz diretor da J&F

Investir em compliance pode mudar a história de uma empresa e ser a diferença entre continuar em operação ou não. Mas o investimento deve ser acompanhado de regras claras, rígidas e transparentes e as companhias devem evitar criar armadilhas burocráticas para si.
É o que afirma o advogado Emir…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Rolar para o topo