fbpx

Ministro nega pedido para suspender inelegibilidade de Garotinho

O ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça, negou, nesta sexta-feira (17/8), pedido da defesa do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho (PRP) para revogar a suspensão de seus direitos políticos. A pena de oito anos de inelegibilidade foi proferida pelo Tribunal de J…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo