Chamar senadora de "anta" e "cretina" é mera crítica, afirma juiz

Publicações da imprensa que desagradam políticos não geram necessariamente dever de indenizar, ainda mais quando ocorrem em época de rivalidade no país, como ocorreu no período de votação do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Assim entendeu o juiz Luciano dos Santos Mendes, da 18ª …

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo