TRF-4 nega transferência e mantém Cunha preso em Curitiba

Não há direito subjetivo do réu de escolher onde deve permanecer preso. Com esse entendimento, a 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região manteve o ex-deputado federal Eduardo Cunha preso preventivamente em Curitiba. Pesou na decisão a possível influência negativa que Cunha poderia exer…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Rolar para o topo