Paulo Sá Elias: Inteligência artificial requer atenção do Direito

O comitê de Ciência e Tecnologia do Parlamento da Inglaterra abriu inquérito[1] para examinar o uso crescente de algoritmos (e inteligência artificial) na tomada de decisões públicas e privadas, com o objetivo de avaliar como os algoritmos são formulados, os erros e possíveis correções — bem como…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Rolar para o topo