Gilmar Mendes anula PAD instaurado contra procurador do caso Alstom

Não cabe ao corregedor nacional do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) a abertura de processo administrativo disciplinar (PAD) por ato monocrático. Esse foi o entendimento aplicado pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, ao anular o PAD instaurado pelo corregedor naci…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo