fbpx

MP pode receber verbas de sucumbência, diz procurador-geral do Rio

Não há nenhuma proibição constitucional ou legal de o Ministério Público receber honorários de sucumbência, desde que a verba vá para a instituição, e não para seus integrantes. Com base nesse argumento, o procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, Eduardo Gussem, pediu que o Conselho Naciona…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo