fbpx

Rosa Weber mantém execução provisória de pena de condenados

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), julgou inviável o seguimento de um Habeas Corpus por meio do qual a defesa de três homens condenados pela morte de um membro de um assentamento no Rio Grande do Sul questionava a decisão que determinou a execução provisória da pena. A mini…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo