fbpx

Não há delator bonzinho: faz parte fingir e ganhar sempre

Delatores são sujeitos de negócios capazes de apertar a mão para desferir imediatamente o golpe e, assim, precisam ser devidamente incentivados à cooperação. Não se trata de compra e venda de um bem de consumo, mas do apagamento de toda uma gama de relações de amizade e familiares anteriores, dad…

Veja a matéria original no Portal Consultor Jurídico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo