Juiz suspendeu atividades do Instituto Lula por conta própria

O juiz Ricardo Soares Leite, da 10ª Vara Federal Criminal do Distrito Federal, que ordenou a suspensão das atividades do Instituto Lula por “prudência e cautela”, tomou a decisão por conta própria, e não a pedido do Ministério Público. A medida, da terça-feira (9/5), foi tomada na ação penal na q…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo