TRF-3 permite inseminação em mulher com espermatozóides do cunhado

A lei que rege o planejamento familiar não impede que os pais conheçam os doadores de gametas, e vice-versa, em caso de inseminação artificial. Por essa razão, a 4ª Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região deu provimento à apelação de um casal para que o procedimento fosse feito a partir d…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo