TJ-RJ libera livro assinado com pseudônimo de Eduardo Cunha

Depois de ter seu lançamento suspenso, o livro Diário da Cadeia – Com Trechos da Obra Inédita Impeachment, escrito por um autor anônimo de pseudônimo Eduardo Cunha, vai poder ser publicado. A decisão é da 8ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça ao analisar agravo de instrumento interposto pela edi…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo