Janot pede que goleiro Bruno Fernandes volte a ser preso

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, assinou parecer pedindo que o goleiro Bruno Fernandes de Souza volte a ser preso. O atleta foi solto em fevereiro por decisão do ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal, para quem “absolutamente nada” justifica o fato de manter atrás das…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo