Embriaguez de motorista não isenta seguradora de pagar prêmio

A embriaguez de motorista não isenta seguradora de pagar prêmio se o acidente ocorreu por outros fatores, que não o estado do condutor do carro. Assim entendeu, por unanimidade, a 32ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo ao manter a obrigação da empresa de seguros em ress…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo