TSE muda entendimento e julga que pirataria provoca inelegibilidade

O Tribunal Superior Eleitoral mudou sua jurisprudência vigente desde as eleições de 2014 e decidiu que crime de violação a direito autoral ofende o patrimônio privado e pode provocar inelegibilidade. A virada de entendimento aconteceu no julgamento do pedido de registro de candidatura de Eloir La…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo