União não responde por dívida de terceirizada se fiscalizou acordo

A responsabilidade subsidiária de órgãos públicos que contratam serviços terceirizados pode ser afastada se ficar comprovado que o contrato do prestador de serviços foi devidamente fiscalizado. Com base nesse entendimento, a 16ª Vara do Trabalho de Brasília decidiu que a União não teria que pagar…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo