Polícia Militar do Espírito Santo indicia 703 integrantes por motim

A Polícia Militar do Espírito Santo indiciou 703 policiais militares pelo crime de revolta. O secretário estadual de Segurança Pública, André Garcia, informou que eles foram indiciados por estarem armados e aquartelados nos batalhões.
Se os indiciados forem condenados, a pena pode variar de 8 …

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo