Crivella não pode nomear filho para cargo na prefeitura, decide STF

O ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu a eficácia de decreto assinado pelo prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), nomeando seu filho Marcelo Hodge Crivella para o cargo de secretário-chefe da Casa Civil da prefeitura.
Marcelo Crivella (PRB) violou Súmul…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo