Estado pode suspender licitação para fazer contrato de emergência

Em caso de necessidade, os estados podem fazer uma contratação de emergência de qualquer tipo de serviço. Por isso, não há risco na suspensão de um processo de licitação sobre o qual paire alguma suspeita. Com esse entendimento, a presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministra Laurita Vaz, …

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo