fbpx

Mercado deve indenizar trabalhador retido após expediente

O empregador não pode, sob o pretexto de gerir livremente seu empreendimento, criar embaraço ao direito de ir e vir dos trabalhadores. Esse foi o entendimento da 1ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (GO) ao condenar um hipermercado a pagar indenização de R$ 20 mil por danos mor…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo