fbpx

Perda auditiva unilateral grave é considerada deficiência, diz TST

A perda auditiva unilateral igual ou superior a 41 decibéis é considerada deficiência e garante ao candidato de concurso público o direito de disputar vaga para portadores de necessidades especiais. O entendimento é do Órgão Especial do Tribunal Superior do Trabalho.
Na ação, um candidato de u…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo