fbpx

Pessoa hiperativa não pode concorrer a vaga para deficiente

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, rejeitou Mandado de Segurança impetrado por um candidato em concurso para o cargo de procurador da República que pretendia concorrer às vagas destinadas às pessoas com deficiência, alegando ter Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo