fbpx

Teori mantém quebra de sigilos fiscal e bancário de escritórios

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, negou pedido para revogar a quebra de sigilos bancário e fiscal de escritórios de advocacia, autorizada por ele no ano passado para apurar suspeitas de pagamento de propina relacionada a contratos da Petrobras investigados na operação “lava …

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Fale conosco
Enviar
Rolar para o topo