Em divórcio, cotas de sociedade devem ser divididas pelo valor atual

Na hipótese de separação do casal, as cotas de uma sociedade constituída durante o casamento e da qual apenas um dos ex-cônjuges seja sócio devem ser divididas pelo valor atual, e não pelo valor histórico da data da ruptura do relacionamento. 
Esse foi o entendimento da 3ª Turma do Superior Tr…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo