Em nota, AGU diz que não recebeu ordem para privilegiar Geddel

A advogada-geral da União, Grace Mendonça, afirmou na noite desta quinta-feira (24/11) que “jamais recebeu orientações para direcionamento” nas atividades do órgão e que não aceitaria nenhum tipo de interferência na “atuação independente e técnica do corpo jurídico da instituição”.
Grace Men…

Continue lendo no portal Consultor Juridico

Rolar para o topo