Impeachment: Presidente do STF autoriza substituição de testemunha de defesa

O presidente do Supremo Tribunal Federal e do processo de Impeachment no Senado Federal, ministro Ricardo Lewandowski, manteve o indeferimento do pedido formulado pela defesa da presidente da República afastada, Dilma Rousseff, para que fossem prestados esclarecimentos aos peritos e seus assistentes durante sessão de julgamento marcada para ter início na manhã desta quinta-feira (25). O ministro Lewandowski deferiu, no entanto, o pedido de substituição da testemunha Gilson Bittencourt por Ricardo Lodi, mantendo a ordem de depoimentos solicitada pela defesa. 

Na última sexta-feira (19), o ministro já havia indeferido o pedido (Doc 178) da defesa em relação à convocação de peritos e assistentes para prestar esclarecimentos, por considerar já ultrapassada, no processo, a etapa de produção de provas periciais. Entretanto, a defesa reiterou a solicitação e pediu ainda a substituição de uma das seis testemunhas arroladas no processo.

AR/RR

Leia mais:
19/08/2016 – Ministro Lewandowski nega pedido de convocação de perito no julgamento do impeachment
 

Postado originalmente no portal do Supremo Tribunal Federal

Rolar para o topo